21/07/2014

Saint-Saturnin-lès-Apt


Sempre que escolhemos um destino novo pra conhecer na região programo o GPS pra evitar autoestradas pois assim é garantia de que iremos encontrar belas paisagens e conhecer novos vilarejos pelo caminho. Assim, o trajeto em si vira uma atração à parte no nosso passeio, e por vezes temos que resistir às inúmeras paradas no caminho, caso contrário o destino final acaba deixado de lado porque o tempo fica curto. Desta vez, a surpresa apareceu no meio do caminho pra Sault: algumas rotatórias depois de Apt, um vilarejo medieval se desenhava no horizonte à nossa frente, e tudo indicava que iríamos atravessar o vilarejo pra continuar o itinerário. Foi assim que Saint-Saturnin-lès-Apt deixou de ser mais um vilarejo bonito no caminho e virou parada quando estávamos de volta pra casa.

17/07/2014

Rota da lavanda: Sault, capital mundial da lavanda


Dia desses fiz uma pequena enquete, no melhor estilo "qual a primeira palavra que te passa pela mente quando o assunto é Provença?" e a resposta foi unânime: lavanda. Geralmente nossas visitas aos campos de lavanda da região acontecem quando temos hóspedes em casa: foi assim que perdemos a conta das vezes que fomos ao plateau de Valensole, a maior superfície cultivada de lavanda da região. Mas este ano, nenhum hóspede programou pra nos visitar no verão, uma pena. Mas isso não nos impediu de conhecermos outros campos de lavanda, percorrendo itinerários diferentes da rota da lavanda, e foi assim que visitamos Bonnieux, em 29 de junho.

07/07/2014

Rota da lavanda: Bonnieux


Campo de lavanda em Bonnieux e vilarejo de Lacoste ao fundo


Português/Français

O pacato vilarejo de Bonnieux já entrou no nosso roteiro diversas vezes, mas sempre estávamos de passagem, e acabamos por nos contentar com uma rápida pausa no percurso pra fazer uma fotinho na estrada que atravessa o coração do vilarejo, para em seguida continuar nosso caminho que nos levava pra destinos não muito longe dali. Mas uma cidadezinha tão charmosa e com uma vista privilegiada pro parque regional do Luberon merece mais que uma rápida parada pra foto, e assim decidimos fazer um passeio de domingo para visitar Bonnieux e seus arredores.

Projeto #52livros, livro 15: Não vemos nada


Antes de falar do livro 15 da listinha, quero deixar claro que não desisti do projeto, muito menos abandonei as leituras, ao contrário, continuo lendo diariamente, mas é verdade que os romances perderam um pouco para os artigos e livros de assuntos relacionados ao trabalho. O que não significa, entretanto, que não tenha romances no kindle ou na mesa de cabeceira: nesse meio tempo, entre um artigo científico e uma leitura puxada de Lacan, um autor tcheco (Kafka, com sua "Carta ao pai") e um iraniano (Mahbod Seraji e "Os telhados de Teerã") se infiltraram nas leituras. Foi uma pausa interessante, ao menos nos posts do projeto, porque conitnuo lendo arduamente os clássicos franceses selecionados no início, à medida que seleciono outros títulos contemporâneos.

30/06/2014

Portovenere: clichês da "sexta terra"


O litoral da Ligúria é procurado principalmente por seus cinco charmosos vilarejos harmoniosamente instalados entre as montanhas e o azul do mediterrâneo, mas à medida que exploramos a região encontramos no caminho outros vilarejos igualmente encantadores, tanto dentro do Parque natural quanto entre uma e outra cidadezinha dos arredores. Portovenere é uma dessas cidadezinhas charmosas que incluimos no roteiro, e deixamos pra visita-la no fim do último dia que passamos na região pra percorrer as ruelas depois de ver o pôr-do-sol.

24/06/2014

França entre Amigos: nossa experiência com motorista brasileiro em Paris


Em 4 anos vivendo na França, sempre vamos à Paris pelo menos uma vez por ano, seja pra levar alguém da família pra conhecer a capital, seja pra encontrar amigos, ir à shows ou resolver pendências no consulado. Sempre tinha um objetivo turístico ou de lazer na cidade, mas até meados de 2014 ainda não tinhamos nenhuma viagem programada à capital, até que um ciclo de palestras interessante se mostrou como uma oportunidade perfeita pra unir o útil ao agradável. A viagem também foi a ocasião perfeita pra testarmos nossa parceria com a França entre Amigos, que já apresentei aqui há um tempo, mas ainda não tinha vivido a experiência do serviço de receptivo para turistas brasileiros que o Luiz e a Priscilla oferecem em Paris.

15/06/2014

Museu de História Natural de Marselha


Domingo nublado na Provença é convite à preguiça, mas também pode ser um excelente convite a visitar museus. Optamos pela segunda alternativa num domingo onde o sol se escondeu por trás das nuvens e rumamos à Marseille para visitar um dos vários museus que ainda não conhecemos na cidade, e o escolhido foi o Museu de História Natural do Palais Longchamp. 

10/06/2014

Sisteron


Esculpida no alto de um rochedo escarpado que desponta imponente situado no encontro dos rios Durance e Buëch, ambos de águas turquesa, a cidadela de Sisteron salta aos olhos mais desavisados que percorrem a estrada que liga a Provença aos Alpes. Meus olhos desavisados deitaram-se sobre a cidadela durante nossa primeira ida aos Alpes, no inverno de 2010, e durante incontáveis idas e vindas ao longo da estrada alpina, a promessa de parar e visitar o lugar se renovava, mas a data nunca se fixou. Até que a segunda feira preguiçosa de um feriado quente e ensolarado se apresentou como oportunidade perfeita pra promessa ser enfim cumprida.