5 de dez de 2010

Paris: segundo dia

Eglise Saint Sulpice

O segundo dia começou com uma rápida passagem na Eglise Saint Sulpice, que Dan Brown usou como um dos cenários de "O código da Vinci", mas que abriga afrescos de Delacroix, muito mais notórios que a fantasia do autor.

Fontaine Saint Sulpice
O coração da praça onde se encontra a igreja é embelzado pela fonte de Saint Sulpice, onde presenciamos uma cena um tanto inusitada: um cachorrinho brincava nas águas, buscando um graveto atirado por seu dono, enquanto a dona esperava pacientemente ao lado do carrinho, semelhante a um carrinho de bebê, onde transportava o animal. O cachorro era o filho deles. Sim, os franceses tem dessas coisas, não é de outro mundo isso.

Jardins de Luxembourg
De lá seguimos para os Jardins de Luxembourg, que abriga a sede do Senado francês. O dia começou com tempo bom, céu azul e muito sol, o que embelezou a paisagem dos jardins, onde vimos muitas pessoas sob o sol, em plena sexta-feira, simplesmente passando o tempo e apreciando a bela vista.

Hôtel des Invalides et Dôme
O próximo destino a ser visitado foi o Musée de l'Armée, no Hôtel des Invalides, originalmente construído para acolher os soldados inválidos e que atualmente abriga coleções fascinantes de armas e armarduras de várias épocas e origens, e ao lado do qual se encontra a Eglise du Dôme, onde repousa Napoleão. Terminamos o dia aos pés da Torre Eiffel e retornamos ao hotel para encontrar com Luciano e Marcela, que chegariam no fim daquele dia.


Tour Eiffel

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tem dúvidas, sugestões ou informações complementares? Este é seu espaço! Sua dúvida pode ser a de outros, e suas sugestões certamente ajudarão outros leitores!
Comentários sem relação ao post, links de propaganda ou conteúdo ofensivos não serão publicados.