25 de jul de 2013

Gorges du Verdon, paraíso natural na Provença


Se tem algo que me surpreende sempre na França, em qualquer estradinha ou lugarejo por onde passamos, é a paisagem natural. E um lugar que sempre me deixa deslumbrada e que merece ser incluído no roteiro de quem vem à Provença, principalmente pensando em visitar os campos de lavanda, é o maravilhoso Gorges du Verdon, ou Desfiladeiro do Verdon. O rio que dá nome ao belissímo acidente geográfico que emociona qualquer visitante que vem à região tem águas de cor turquesa, provenientes do degelo dos Alpes, e tem suas margens emolduradas pelas montanhas de calcáreo que compõem o que considero minha paisagem perfeita: um lago e montanhas. Acho que é minha mineirice que não sabe viver sem montanhas, fato é que me sinto realmente com vertigem em planícies, e nada mais reconfortante que uma paisagem com relevo acidentado. Principalmente quando o caminho pra chegar até ela é ladeado por campos de lavanda e girassóis.






Girassóis e lavanda no plateau de Valensole, julho 2013

Pra chegarmos até o belíssimo lago de Sainte-Croix, local escolhido pra passarmos o dia com nossos amigos mochileiros, aqueles que se casaram no Panamá, tivemos de seguir a Rota da Lavanda e demos uma paradinha no Plateau de Valensole (leia mais aqui). Existem duas opções de caminho: autoestrada ou estrada nacional/departamental. A diferença é simples: paga-se pedágio nas autoestradas, a viagem é mais rápida porque o limite de velocidade é 130km/h (110km/h em trechos urbanos), mas a surpresa dos campos de lavanda e girassóis é experienciada quando escolhemos as estradas departamentais, com limite de veolicidade de 90km/h (chegando a 30km/h ou 50km/h em trechos urbanos), velocidade mais que suficiente pra acompanhar o ritmo da Provença, que é outro, mais lento e com tempo pra apreciar os detalhes da paisagem de forma plena. 

Depois das devidas pausas pelo caminho, seja para fotografar plantações de lavandas e girassóis ou vinícolas, seja pra registrar o charme dos vilarejos pelo caminho, com suas igrejinhas pitorescas e castelos perdidos em cantos isolados do mapa, seguimos viagem rumo às águas incrivelmente deliciosas do lago de Sainte-Croix, que é uma represa da companhia de energia francesa. Sim, apesar de serem provenientes do degelo, as águas do lago podem chegar fácil, fácil aos 27°, um convite irrecusável a incontáveis braçadas. Geralmente alugamos um pedalinho (15€ por hora, capacidade para 5 pessoas, o valor é pelo pedalinho, independente do número de passageiros, e um documento de identidade deve ser apresentado na locação) e seguimos rio acima, até o ponto onde a navegação ainda é autorizada, para apreciar de baixo a imponência do desfiladeiro e a beleza da cachoeira, recompensa pra alguns minutos de pedalada. Se o objetivo é chegar até o ponto onde o rio encontra o lago, conte duas horas de pedalinho ou canoa. Também existem as opções mais confortáveis dos barcos elétricos (35€ para 5 pessoas por uma hora), mas nunca testamos pois preferimos as pedaladas mesmo.

Plateau de Valensole com lavandas e lago de Sainte-Croix vistos da cidade de Aiguines
 Mas antes de nos lançarmos no lago, seguimos até a cidadezinha de Aiguines, de onde temos um belo panorama da região, e é uma boa opção de parada pra almoço (vimos um restaurante com buffet liberado para almoço por 12€ e café da manhã no mesmo estilo por 8,50€, o Altitude 832, que funciona num hotel), ou também para uma refrescada com sorvete (logo em frente ao restaurante tem um sorveteiro simpático que já nos serviu algumas vezes, vale experimentar). Além do charme de vilarejo provençal, Aiguines também tem um belo castelo que rende boas fotos. Para ver as Gorges du Verdon ("gorge" significa garganta), basta seguir a estrada que atravessa a cidadezinha, e pouco mais à frente pontos de parada sinalizados proporcionam um dos mais belos panoramas que podemos ter da região. As estradas são sinuosas, tanto a que segue o Verdon pelo lado de Aiguines, como a que segue em direção à Castellane, basta escolher uma delas, dirigir com calma e cuidado, e encontrar um ponto de estacionamento pra fazer suas fotos e apreciar essa paisagem incrível, e também desfrutar de um piquenique com uma bela vista, como fizemos.

Encontre aqui seu hotel em Aiguines* e garanta a melhor tarifa!






Assim que chegamos ao lago, escolhemos o pedalinho (os valores são os mesmos nas diferentes empresas que ficam à margem do lago, escolhemos em função de disponibilidade, mas em períodos mais cheios vale reservar, no site de Moustiers-Sainte-Marie (tem post sobre este que é um dos mais belos vilarejos da França, vale incluir no passeio, leia mais aqui) tem a lista das empresas e contatos neste link. Ao cruzarmos a ponte que atravessa o lago, ouvi da nossa amiga as seguintes palavras: "as fotos não conseguem fazer justiça à beleza do lugar". Realmente, é difícil conseguir transmitir em um clique todo o deslumbramento e detalhes dos acidente geográfico, as grutas e a cascata, o azul incrível das águas doces e mornas que nos cercam. "Uau" era dito por ela a cada vez que o pedalinho se aproximava de um ponto. E pra tentar transmitir um pouco dessa beleza e tentar fazer justiça à esta maravilha natural da Provença, resolvi registrar um pouco da paisagem que nos encheu os olhos neste vídeo. Meu desejo é que cada pessoa que desembarque em Paris e se encante com a cidade luz pense também em reservar uns dias da viagem pra embarcar no TGV rumo à Aix-en-Provence pra explorar um pouco deste canto que chamo com cada vez mais carinho de chez nous, "nosso lar".


P.S.: Nossos amigos Linda e André embarcaram no mês de junho rumo à viagem de volta ao mundo, que vocês podem acompanhar pelo blog deles neste link. Tivemos muita sorte de tê-los como hóspedes no início dessa bela jornada, e agradecemos imensamente a agradável companhia nos passeios que fizemos pela região.



Lago visto da margem da estrada que vai à Castellane (agosto 2012)

Estrada depois de Aiguines (julho 2012)

Estrada depois de Aiguines (julho 2012)

Estrada depois de Aiguines (julho 2012)


Informações práticas:

Como chegar: (indicações completas no site http://www.moustiers.eu/acces
- de carro, basta indicar o destino de Moustiers-Sainte-Marie no GPS. Chegando na cidade, siga as placas que indicam "Lac de Sainte-Croix" para ir ao lago, ou "Gorges du Verdon" para ter a vista do desfiladeiro na estrada que segue para Castellane. Se quiser ir até Aiguines, indique no GPS ou siga a direção do lago e atravesse a ponte, as indicações aparecem em seguida. Saindo de Aix-en-Provence, siga a estrada em direção à Sisteron. 

- de ônibus, Aix-en-Provence até Moustiers-Sainte-Marie, horários no site. Tem um ônibus de Moustiers até o lago, chama Navette Estelline. Outra opção é ir de ônibus de Aix-en-Provence ou Marseille até Manosque, de Manosque tem um ônibus até Valensole, onde fica a maior área cultivada de lavanda da região, e de lá retornar à Manosque. De Manosque, tem ônibus que vai até Riez, e desta cidade até Moustiers. Mais informações sobre os itinerarios no site.

No lago: As empresas de locação de pedalinhos, caiaques e barcos elétricos funcionam no período de abril a outubro, confira a lista completa das entidades credenciadas junto à Secretaria de Turismo de Moustiers-Sainte-Marie no site http://www.moustiers.eu/?-Nautisme . Lembre-se que um documento de identidade válido deve ser apresentado no momento da locação. Leve priquenique e água, só tem uma lanchonete pequena na beira do lago, e aqui ninguém vai te olhar torto por levar o próprio lanche, todo mundo faz igual!

ALERTA DE 25/09/13: A Eneida, leitora do blog, esteve em Gorges du Verdon no início de setembro e conta nos comentários que teve seu carro arrombado quando parou no acostamento para fazer fotos. Fiquem atentos aos pertences deixados nos veículos, evitem deixa-los à mostra para evitar contratempos durante as férias.


Outros posts da série Maravilhas Naturais da Provença:




Também visitaram esta maravilha:

13 anos depois
Nós no Mundo

38 comentários:

  1. Lindo post! :) E detalhe, eu sempre vejo esses campos de lavanda e associo direto á França, mas não sabia dos campos de girassol também - achava que era uma coisa bem italiana!

    Lindo post, ótimo - tô repassando agora para uma amiga que tá indo para lá amanhã! :) E enquanto isso, eu vou chupando o dedo por aqui e fazendo meus planos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os campos de lavanda são bem símbolo daqui mesmo, né? Me surpreendi também na primeira vez que vi os girassois plantados junto à lavanda, imagino que o clima aqui seja bem parecido com o da Toscana (babei nas suas fotos de lá), e há pouco descobri campos de girassol do lado aqui de casa!

      Obrigada pela indicação, e precisando de ajuda pra pensar seus planos, é só dizer!

      Excluir
  2. adorei o vídeo... putz... é de ficar sem palavras!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E é assim mesmo que a gente fica quando chega lá, Helô! Que bom que gostou do video, vamos caprichar nos próximos!

      Excluir
    2. Nat, eu adoro esses vídeos assim, mais "caseiros", no calor do momento que vc pensa "vou filmar, é bonito demais só pra foto"!! e a trilha sonora caiu muito bem tbém viu?

      Excluir
    3. Obrigada pelo retorno, Helô! Cada passeio novo tenho feito videos pra incrementar os posts, acho que dá uma visão diferente do lugar! A trilha sonora foi escolha unânime aqui em casa, nós dois falamos Enya na mesma hora!

      Excluir
  3. Eu fui! Dei risada pq a gente tb foi com um casal de amigos e foram os meninos pedalando e as meninas no bem-bom de passageiros. :) Realmente o lugar é incrivel, um dos lugares mais lindos onde ja' fui. Fiquei impressionada com os paredoes e com a cor da agua. Fizemos uma volta de carro ao longo das gorges e vimos até um pessoal fazendo escalada num dos pontos mais altos, que medo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Delicia demais o passeio, né Dé?
      Tem uma seleção de lugares aqui na Provença que sempre tentamos incluir no roteiro quando recebemos visitas, e Gorges du Verdon é um deles. Mas pedalinho é realmente melhor quando os meninos assumem, é muuuito pesado, prefiro minhas corridas! E tem de tudo no quesito esportes radicais por ali, muito legal!

      Excluir
  4. Olá Natália. Venho agradecer e retribuir a sua amável visita lá no blog, que me deixou muito feliz.
    Adorei este seu post. Em França conheço apenas Paris e Estrasburgo e, pela sua descrição e pelas fotos, esta região merece mesmo uma visita.
    Um abraço desde Portugal
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Ruthia!

      A França é bem bonita, a região da Provença nem se fala, se puder vir entre abril e setembro pode conhecer belas paisagens e fazer bons passeios.
      Portugal esta na listinha de desejos pra 2014, sonho em conhecer Algarve e percorrer também as estradinhas do Douro. Todo brasileiro é um pouco português, né? Precisamos visitar esse belissimo país :)
      Abraço!

      Excluir
  5. Estive visitando Gorges du Verdon fazem 2 semanas deixo um alerta de roubo nos carros que param no acostamento da estrada para ver a vista e tirar fotos. Aconteceu comigo de me afastar um pouco do carro e na volta me deparar com o vidro quebrado e levaram a minha bolsa. Na delegacia tem uma parede só com fotos da estrada para as vítimas localizarem o ponto onde ocorreu o roubo que é rotineiro com casos diários segundo os policiais.Fiquei de queixo caído porque são muitos carros parados no acostamento, com grande circulação de pessoas.
    Realmente a região é linda e vale muito a pena. E o Destino Provence foi meu blog de cabeceira na viagem a Provence.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa Eneida, que noticia chata... Vou incorporar ao post seu alerta, e espero que apesar desse contratempo desagradavel, sua viagem tenha sido cheia de lembranças boas!

      Obrigada pelo alerta e pela confiança no blog!

      Excluir
  6. Olá, Natalia!
    Venho acompanhando seu blog a uns dois meses, pois vou passar seis dias na Provence no inicio de julho/2014. Estou muito entusiasmada com a paisagem! E, por isso mesmo, me surgiu uma dúvida que não consigo resolver: vou passar ainda 06 dias em Paris e, no meio, deixei 02 dias para visitar Beaune, na Borgonha, pois meu marido adora vinhos! Só que, com essas paisagens incríveis que descobri (até então, só sabia dos campos de lavanda.....), estou achando que vou me arrepender de não acrescentar esses dois dias na Provence também! Você acha que "dou conta" nesses 06 dias? Gostaria de ir até Cassis ver as calanques também....não quero fazer aquele tipo de viagem "cinco lugares em um dia"; só pra dizer que estive em tal lugar, mas estou numa dúvida danada! Você tem alguma sugestão pra me dar? Obrigada! Mirela Guarreschi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mirela!

      Minha resposta é mais que tendenciosa, apaixonada que sou pela região, acho que dá pra esticar quanto você quiser por aqui :) Ainda não conheço a região da Borgonha, só de passagem, e o que vi me encantou, por isso acho que deve manter sua passadinha por lá sim, e pode ficar tranquila que conseguirá conciliar os passeios que quer fazer aqui na Provença nos 6 dias dedicados à região, é um tempo muito bom, principalmente na época que vocês vêm.

      Eu diria que pode contar um dia de passeio em Cassis - estique e jante na cidade, um charme também à noite - conte mais um dia para fazer o passeio do plateau de Valensole, Gorges du Verdon e Moustiers-Sainte-Marie (é o tempo que fazemos com nossas visitas), mas visite a cidade ainda durante o dia, ou pouco antes do pôr-do-sol, pra apreciar as belezas de um dos mais belos vilarejos da França - e um dos mais lindos pôres-do-sol que já vi por aqui foi lá.

      Dependendo dos interesses de vocês, ainda podem incluir outros dos mais belos vilarejos no roteiro - todos tem post aqui no blog - Les Baux de Provence (dá pra fazer em duo com Saint-Rémy de Provence, onde nasceu Nostradamus e viveu Van Gogh por um tempo), Gordes, Roussillon, Ansouis (ao lado de Pertuis, a 30km de Aix-en-Provence). Marseille também tem passeios muito interessantes: o Château d'If e o arquipélago de Frioul, o Palais Longchamp, que abriga os museus de belas artes e de historia natural, o MuCEM (Museu de civilizações europeias e mediterrâneas) ou ainda o recém-inaugurado museu de historia de Marseille.

      Se forem à Salon-de-Provence, onde moro Nostradamus, podem incluir Miramas-le-Vieux e o melhor sorvete da região no roteiro. E como tenho uma queda por pôr-do-sol, tomar sorvete assistindo um espetaculo desses não é nada mal.

      Ainda tem a possibilidade de conhecer Arles e Avignon (pode se hospedar nesta ultima se achar os preços de Aix meio salgados). Espero ter ajudado, e não se preocupe se achar que precisa de mais tempo por aqui: é normal, é sinal de que precisa voltar logo :)

      Abraço!

      Excluir
    2. Natalia,
      Muitíssimo obrigada pelas dicas!!!
      Valeu mesmo!
      Vou continuar te acompanhando e mando notícias!
      Bj, Mirela

      Excluir
  7. Olá, Natália
    Vou chegar em Marseille dia 7 de junho e quero ir Às Calanques e também a Gorges du Verdon, devo ficar em Marseille ou dormir em Cassis? Consigo agendar os passeios de Marseille? Não penso em alugar carro, Depois vou para Nice ficar 4 noites. bjs Diana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Diana!
      Se não pretende alugar carro, acho que você pode dormir em Cassis para o passeio das Calanques, não é muito longe do centro e também tem a opção do passeio de barco que sai do porto (mas não tem parada para nadar). Quanto ao passeio em Gorges du Verdon sem carro é um roteiro que ainda não testei, por isso atenta às datas e horarios de circulação dos transportes publicos citados acima.
      Abraço!

      Excluir
  8. Olá Natalia! Gostaria de saber se alugar uma casinha em Gorges é muito cara, estou pretendendo morar em Provence, sou naturologa ,iridóloga,, professora de yoga e aromaterapeuta, você acha que tem 'campo' para atuar nestas profissões ( tenho recursos para me manter)? Estarei viajando em jullho chegando em Provence dia 13.
    Beeijos e guardo a sua resposta

    ResponderExcluir
  9. Olá Natalia, adorei seu blog, parabéns!
    Iremos ficar 10 dias entre Provence e CoteDAzur agora em Setembro. Sabem se dá para atravessar do Luberon para Nice de carro passando por Gorges du Verdon em apenas um dia? (sem se hospedar no meio do caminho). Vale a pena? Pelo que vi seriam umas duas horas até lá e depois mais 2 horas até Nice correto? seria perigoso em relação a malas no carro? Obrigado!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Marcelo!
      Acho que vale a pena considerar se hospedar na região de Gorges du Verdon, é um lugar que merece uma visita com calma, principalmente o vilarejo de Moustiers-Sainte-Marie, considerado um dos mais belos da França. Quanto à segurança do veiculo, evite deixar objetos à vista, pois isso atrai mesmo e mau intencionados tem no mundo inteiro, infezlimente.

      Excluir
  10. Oi Natalia,
    Vou para Provence em Setembro de 2015, encontrei seu blog nas minhas pesquisas e já estou viciada! :) Parabéns!
    Estou com duas dificuldades pra montar o roteiro, uma é que quero conhecer todos os lugares mas só tenho 10 dias.. rsrs. A outra é que tenho dúvida se a melhor opção é me hospedar em uma única cidade-base ou se devo pernoitar em cidades diferentes, pq quero ir para todos os lados, sabe?!!
    Apesar da ânsia de conhecer tudo, não quero fazer passagens relâmpagos pelos lugares, quero ter tempo pra contemplar os detalhes.
    Os principais pontos seriam:
    Aix-de-Provence
    Bonnieux (passando pelos arredores, Gordes, Roussillon - quero ir ao Chateau La Canorgue, do filme Um Bom Ano rsrs)
    Baux-de-Provence (quero muitooo ir na Carriere de Lumieres)
    Marseille
    Côte d'Azur (só Saint-Tropez e Cannes)
    Gorges du Verdon
    Considerando esses lugares, eu conseguiria ficar em Aix, e de lá fazer passeios de 1 dia (bate-volta) ou algum deles merece mais tempo? Vou alugar carro.
    Valeu pelas dicas ;)
    Bjinhos
    Cathe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Super me perguntava onde eles filmaram Um Bom Ano! Sou apaixonada por aquela paisagem! Agora já sei! Hahaha!

      Excluir
  11. Oi!!! Maravilhoso seu blog! Vamos para a Provence dia 06 de junho e ficaremos uma semana. Seremos 2 casais e 4 crianças entre 3 e 5 anos (todas meninas). Ir a Gorges du Verdon e a Valensole. Você, como expert :-), pode me recomendar o que você acha que as meninas iam gostar nos outros dias? Muito obrigada mesmo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Karla!
      Quando minha priminha de então 4 anos veio me visitar fizemos o passeio de pedalinho no lago de Sainte Croix, visitamos Moustiers-Sainte-Marie, os campos de lavanda e girassois, além de Fontaine-de-Vaucluse (onde ela se divertiu no carrossel), Isle-sur-la-Sorgue, Cassis (meus tios fizeram o passeio de barco das calanques com ela) e passeamos em Aix-en-Provence, onde moro e tem muitos parques com áreas pra crianças. Ela adorou!

      Excluir
  12. Ola Natalia, acabei de chegar da Franca, e fui conhecer este lugar magico, qdo sugeri pra minha Irma pra irmos ai, nao imaginava que fosse tao lindo, sua amiga tem razao, nao da pra registrar em fotos tanta beleza. abracos
    Lucia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Lucia!
      Fico muito feliz com seu comentário, é sempre bom termos surpresas desse tipo quando incluimos um lugar no roteiro, né?

      Excluir
  13. Chantal Beaubernard6 de ago de 2015 17:49:00

    Natalia, parabéns pelo excelente blog! Lindas fotos e bastante detalhado! Minha viagem pela Provence já está chegando, vou com meu marido e estaremos baseados em Aix com carro alugado!

    Íamos apenas dar uma volta por Gorges du Verdum, mas seu post nos fez querer passar um dia todo passeando lá, retornando ao final para Aix-en-Provence. Queremos ir ao lago (não planejávamos!), visitar o castelo das fotos, ter as vistas magnificas de cima, passar por Castellene...

    Você poderia dizer, por favor, qual ordem recomendaria para o nosso dia na região? Algum lugar específico para almoçarmos ou seria um piquenique mesmo? Muito Obrigada pela ajuda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chantal!
      Fico feliz que tenham incluído o passeio de Gorges du Verdon no roteiro de vocês, é um lugar imperdível aqui na região, o cânion mais bonito da França merece ser visto! Não fui até Castellane, somente até Aiguines e a estrada até lá tem excelentes mirantes! O castelo é propriedade privada e só podemos ver por fora mesmo, mas vale sim a visita. Sempre fazemos esse passeio em um dia, e se tem um lugar que não abro mão de visitar é o vilarejo de Moustiers-Sainte-Marie, classificado como um dos mais belos da França (também tem post sobre ele aqui no blog, na rota da lavanda). Recomendo a pausa pro almoço em Moustiers ou então piquenique às margens do lago, depende mesmo do estilo de vocês, mas não deixem de visitar o vilarejo, é uma pérola! Um passeio de caiaque ou pedalinho no lago de Sainte Croix é outro imperdível a se fazer, pra verem a imensidão dos paredões do cânion do Verdon! Pra curtir ao máximo o passeio, saiam bem cedinho!

      Excluir
  14. Chantal Beaubernard9 de ago de 2015 22:06:00

    Obrigada, Natalia! Então você acha melhor ir ao lago passear direto e depois fazer o resto ou primeiro os mirantes, castelo, moustiers e aiguines?

    No caminho de aix pra lá passamos por campos de girassóis ou de lavanda?

    ResponderExcluir
  15. Oi, Natália, estou adorando o blog. Estou programando visita à região no início de junho deste ano. Minha dúvida é qual a cidade-base tem o melhor custo-benefício. Como vou estar com um bebê de 1 ano e pouco, me preocupo com a estrutura do local. Aix me pareceu meio cara. O que indica?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Avignon é uma opção mais econômica de cidade-base!

      Excluir
  16. Olá Natalia!
    Parabéns pelo blog!!
    Estamos programando nossas férias, e parte delas serão na Provance (22 a 26 de Julho). Nossa dúvida é, partindo de Amsterdam, qual cidade na Provance escolher para chegar e hospedar-se. Qual cidade você sugeriria considerando que gostariamos de fazer o roteiro Rota da Lavanda, Saint Remy e Gorges du Verdon?
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  17. Olá Natalia!
    Parabéns pelo blog!!
    Estamos programando nossas férias, e parte delas serão na Provance (22 a 26 de Julho). Nossa dúvida é, partindo de Amsterdam, qual cidade na Provance escolher para chegar e hospedar-se. Qual cidade você sugeriria considerando que gostariamos de fazer o roteiro da Lavanda, Saint Remy e Gorges du Verdon? Com o tempo que temos acredita que seria suficiente?

    ResponderExcluir
  18. Olá Natália! seu blog é demais! Vc poderia me auxiliar na organização do roteiro de 05 dias na Provence? Penso em conhecer estes locais, não sei quantos consigo ir dentro do mesmo dia...
    Avignon, Le Baux Provence, Fontvielle, St. Rémy, Arles, Cassis, M. Sta Mrie, Gorges du Verdon, Manosque (Lócittane), Cucuron, Lourmarin, Gordes, Fontaine de Vaucluse, Roussillon e Bonnieux.
    Tenho pesquisado bastante, mas em nenhum local acho uma sugestão de roteiro indicando o tempo em cada lugar.
    A melhor base sera AIX e Lumarin?
    Muitooooo obrigada pela ajuda! Abraço Luiza

    ResponderExcluir
  19. Natália, sou fã do seu site. Parabéns! Fiz esta viagem em outubro de 2016 e adorei conhecer a região de Gorges do Verdon. Graças a você e suas orientações fizemos uma viagem maravilhosa. A hospedagem em Moustiers-Sainte-Marie foi estratégica para nos permitir fazer o passeio com tranquilidade e curtir tudo que tínhamos direito. Muito obrigada!

    ResponderExcluir
  20. Natália esse passeio dá pra fazer sem carro? Inclusive o vilarejo de Moustiers-Sainte-Marie? Nossa base é Aix Provance.

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Erica!

      Sim, é possível, mas só compensa se fizerem pernoite em Moustiers, porque só tem um ônibus que faz o itinerário ida e volta, e você teria pouco tempo pra conhecer a cidade, pois o ônibus sai de Aix às 9h15 e chega às 11h em Moustiers, e o horário da volta é 13h50 saindo do vilarejo, sem ter como ir ao lago. A tarifa é de 25€ por trajeto, e essa linha não funciona aos domingos. https://www.info-ler.fr/upload/ficheshoraires/web2017/FH_LER_27.pdf

      Excluir
  21. Natália, parabens pelas dicas, encantadaaaa!!!! Vc acha que da para fazer bate voltas de 1 dia para Avignon, Gorges du Verdon, Cassis e Marseille fazendo base em Aix, conforme sua orientação?? Chegaremos ai dia 18/11, e voltamos ao Brasil por Marseille, dia 24/11. Aguardo suas orientações. Muito obrigada

    ResponderExcluir

Tem dúvidas, sugestões ou informações complementares? Este é seu espaço! Sua dúvida pode ser a de outros, e suas sugestões certamente ajudarão outros leitores!
Comentários sem relação ao post, links de propaganda ou conteúdo ofensivos não serão publicados.