Pernes-les-Fontaines e o Museu de Roupas Provençais

A charmosa cidade de Pernes-les-Fontaines fica a 7 kilômetros ao sul de Carpentras. A cidade possui uma combinação entre calma de um vilarejo provençal com riqueza do patrimônio medieval. Também conhecida como a “cidade das quarentas e uma fontes” e também “pérola do condado”, referência ao Condado Venaissino. A região do condado engloba o entorno de Carpentras  e existiu até o período da revolução francesa, quando integrou oficialmente o território francês.

Os tempos contadinos marcaram profundamente a história do lugar, e grande parte dessa influência pode ser vista ainda hoje através de manifestações culturais organizadas na cidade, e também por intermédio da preservação da memória, em especial vestimentária, que pude visitar quando estive na cidade em dezembro de 2016, na ocasião de uma viagem organizada pelo Office de Tourisme de Carpentras para conhecer as tradições natalinas da região do Ventoux*.

Uma típica feira de natal provençal

O que mais me chamou atenção durante a visita, que aconteceu no dia da feira de natal da cidade, uma semana antes das festas, foi justamente o aspecto de convivialidade do momento. Eu e Renata, do blog Direto de Paris, éramos visivelmente as únicas turistas transitando pelas ruelas do centro, entre uma pequena multidão de pessoas deveras atarefadas entre a escolha dos itens essenciais para a preparação da ceia natalina e a degustação de produtos típicos da época, como vinho quente pra espantar o frio. A feira aconteceu em parte dentro das muralhas que outrora cercavam e protegiam o centro histórico da cidade, às margens do rio, e outra parte perto da igreja Notre-Dame de Nazareth, localizada poucos metros ao exterior da muralha.


Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines

Outro detalhe que merece ser mencionado é em relação à preservação das características arquiteturais típicas nas fachadas dos estabelecimentos comerciais. A identidade provençal é muito forte na cidade, e o prefeito visivelmente tem apreço em mantê-la e valorizar esse patrimônio através de algumas resoluções sobre a forma como os comerciantes devem decorar a fachada dos seus negócios. É comum vermos em cartões postais algumas fachadas em madeira, com os nomes dos restaurantes ou boutiques pintados cuidadosamente à mão, e as vitrines onde se pode ver os produtos comercializados. Em Pernes, a regra são essas fachadas charmosas: cada esquina, um cartão postal.

Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Mas nem só do comércio cotidiano vive a cidade: galerias de arte e artesanato locais ocupam boa parte dos pequenos imóveis do centro da cidade, um atrativo pra região que recebe um número importante de turistas, principalmente durante o verão, quando muitos se instalam na região para percorrer as estradinhas sinuosas dos arredores do Mont Ventoux de bicicleta.


Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines




Um museu diferente

Numa esquina da Rue de la République, uma fachada de outra época chama atenção: o letreiro pintado à mão com a palavra “Drapier” sobre a madeira que emoldura a vitrine, onde tecidos e aviamentos são cuidadosamente expostos, ao lado de lãs e linhas de costura, me despertaram o desejo de entrar – não resisto a uma vitrine com linhas de crochê e lãs de tricô. Quando comentei com a Renata e com nossas acompanhantes dos Office du Tourisme, elas sorriram e disseram: “Este é o Museu do Costume Comtadin”.

Entramos e fomos imediatamente transportadas pra outros tempos, quando as máquinas de costura ainda não tinham ganhado os ateliers e toda costura era feita à mão. Bordados, colchas em piqué, camisas, vestidos, calças, absolutamente tudo era trabalhado integralmente à mão. E é ainda dessa forma que a diretora do museu trabalha as peças em exposição, com um cuidado impressionante. Todas as voluntárias da associação que são responsáveis por esse trabalho de preservação da memória vestimentária da cidade trajam vestes típicas e realizam trabalhos manuais, tendo o cuidado de explicar as técnicas utilizadas para cada tipo de bordado e costura.

Pernes-les-Fontaines

Vestimentas provençais tradicionais

O museu ocupa dois andares de um edifício tipicamente provençal no centro da cidade. No primeiro andar, organizado como uma antiga loja de tecidos e aviamentos, estão expostos trabalhos manuais em bordado, roupas de cama, algumas peças de roupa íntima de época. A presença das voluntárias, vestidas à caráter, deixa a visita mais autêntica. No segundo andar estão expostas peças autênticas provenientes de doações, ou ainda garimpadas em feiras de antiguidades pelas voluntárias. As peças são devidamente limpas e catalogadas, com informações sobre período em que eram usadas e em qual ocasião. Também constam informações sobre a qual classe social pertencia quem vestia a peça.
Em outro andar, numa vasta sala onde o acesso é reservado exclusivamente ao pessoal do museu, funciona o atelier de criação das voluntárias da associação. Neste espaço elas criam peças usadas em eventos culturais, além de transmitir as técnicas manuais de costura e bordado. Nada além de mesas e cadeiras ocupam o espaço da sala: nenhuma máquina de costura! E é com imenso orgulho que a responsável por todo esse trabalho nos mostra que cada uma das peças que ela veste. Desde o lenço, adereço do cabelo, camisa e saias, passando pelo avental, foram costuradas ali, uma a uma, à mão, como antigamente. Entrei naquela “loja” atraída pela vitrine, sai encantada com o acervo desse museu, e me perguntando se seria realmente necessário comprar a máquina de costura que eu estava pesquisando alguns dias antes da visita…

 

Informações práticas “Musée du Costume Comtadin” :
Endereço: Rue de la République, Pernes-les-Fontaines
Entrada gratuita
Horário de funcionamento:
de 08/04 a 23/06 : 15h às 18h30 (fechado às terças-feiras)
à partir de 24/06: 10h às 12h30 e 15h às 18h30 (fechado às terças-feiras)

 

Musée du Costume Comtadin
Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines

Brunch em Pernes-les-Fontaines

Nosso passeio por Pernes foi encerrado com um delicioso brunch no hotel e restaurante La Margelle, instalado num suntuoso edifício do século XVII. A sala do restaurante é decorada de modo a integrar aspectos da construção original aos itens contemporâneos, e um dos proprietários nos explicou que alguns restauros foram feitos durante a reforma para manter detalhes anteriores no novo projeto. Fomos recebidas com uma taça de champagne e brindamos a deliciosa experiência que se terminava naquele início de tarde de domingo poucos dias antes do natal. Em seguida, apreciamos as entradas propostas: ovos mexidos, bacon crocante e patês. Depois pudemos escolher o prato entre duas opções: frango ou pieds et paquets, uma especialidade marselhesa à base de pés e tripas de carneiro, com molho de tomate e especiarias – optei pelo frango, mas pude experimentar o pieds et paquets e aprovei! A escolha da sobremesa foi difícil, mas entre um bolo de chocolate e a torta de maçã, optei pela última. Gostei bastante da experiência do brunch do La Margelle, e fiquei com muita vontade de voltar pra levar a família em outras épocas, principalmente pra aproveitar o espaço externo muito convidativo em períodos quentes!

 

Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Pernes-les-Fontaines
Hotel e Restaurante La Margelle
Place Aristide Briand, Pernes-les-Fontaines
Aberto todos os dias para almoço e jantar


Reserve aqui sua hospedagem em Carpentras pelo Booking.com

 

Deixe uma resposta