Provence no inverno: dicas e roteiro

postado em: Alpes, Destinos, França, Provença | 0

Férias de dezembro chegando e talvez esse seja o único período do ano que você pode fazer uma viagem longa. Mas seu sonho é conhecer a região da Provence, como fazer para conciliar desejo com realidade de uma viagem durante o inverno europeu?

Conheça o calendário de feriados e férias escolares na França em 2020

Pode não parecer uma boa ideia a princípio, mas a verdade é que a Provence no inverno tem sim sua beleza e seus atrativos. Um roteiro de visita à Provence no inverno pode ser recheado de sabores, com toque de cultura e pitada de tradições e eventos natalinos. Vem comigo saber o que fazer na Provence no inverno e como aproveitar ao máximo as férias na região durante os meses mais frios do ano sem congelar!

Dicas importantes para planejar sua viagem à Provence no inverno

É importante adaptar seu roteiro às atrações disponíveis. Durante o inverno o melhor é incluir destinos com pegada cultural como museus e centros de arte, além de castelos e palácios. Procure ficar mais tempo no interior, para evitar um dia inteiro de andanças em temperaturas muito baixas. Muitos museus oferecem exposições temporárias durante o período de inverno com programação especial.

Atrações que valem entrar no roteiro de viagem à Provence no inverno

Caumont Centre d’Art – Aix-en-Provence

Fundação Vasarely – Aix-en-Provence

Museu Granet – Aix-en-Provence

Palácio dos Papas em Avignon (todo o inverno)

Carrières de Lumières em Baux de Provence (dezembro apenas, reabertura como nova exposição em março)

Museu das Civilizações Europeias e Mediterrâneas – MuCEM em Marselha

Museu de História Natural e Museu de Belas Artes – Marselha

Museu Departamental de Arles Antiga – Arles

Parque Ornitológico de Pont de Gau – Saintes-Maries-de-la-Mer

Château de L’Empéri – Museu das Armas e Exército na Provence – Salon de Provence

Viva como um local

Visite as feiras provençais com a tranquilidade que só temos fora da alta temporada, aproveite os restaurantes das cidades com seus menus especialmente elaborados a partir de produtos frescos da estação.

Transforme seu passeio de inverno num ensaio fotográfico e leve pra casa registros especiais da sua viagem

Prepare a mala para aproveitar o passeio sem passar frio: é importante saber quais roupas trazer pra Provence no inverno e evitar volumes excessivos ou roupas pouco práticas. Usamos menos camadas no inverno que durante o outono, o importante é que as roupas e acessórios sejam de boa qualidade e eficazes na proteção contra o frio.

Teste novas experiências

Os destinos de montanha são os mais procurados durante o inverno, principalmente no período de festas de natal e fim de ano. Mesmo se esquiar nos alpes franceses não estiver nos seus planos, vale procurar um destino de montanha que ofereça atrações além do esqui, como a região da estação de Serre Chevalier. A possibilidade de curtir a neve numa estação de esqui com pés num spa termal é tentadora: sentir a neve cair no rosto enquanto estava dentro de uma piscina aquecida foi das melhores experiências que já vivi.

Veja como é esquiar na estação de Serre Chevalier Vallée

Pra quem quer fugir das atividades radicais, é possível aproveitar a beleza da montanha em trilhas com raquete ou ainda trenós puxados por cães de montanha. Os resorts de montanha tem muitos programas especiais a oferecer, e o esqui pode ser evitado sem dificuldades!

Prepare um roteiro com foco em vinhos e gastronomia: os cardápios de comidas da Provence no inverno são saborosos, com destaque a produtos requintados como trufas.

Conheça a feira provençal – e as trufas – de Carpentras

Rota do vinho em Châteauneuf-du-Pape

Prós e contras de visitar a Provence no inverno

A Provence é uma região relativamente privilegiada durante o inverno. Temos uma média de 300 dias ensolarados ao ano em Aix-en-Provence, antiga capital dessa região colorida. O inverno começa por volta do 21 de dezembro e se extende até 21 de março, e as temperaturas na região de Aix-en-Provence e Marselha raramente atingem níveis negativos.

Faça um passeio guiado comigo e conheça um pouco mais da história de Aix-en-Provence!

Desvantagens

Como toda época do ano, há vantagens e inconvenientes de visitar a Provence no inverno. Os principais inconvenientes são os dias curtos, com sol nascendo por volta de 8h e se pondo por volta de 17h no mês de dezembro. Outro ponto incômodo são os dias com vento frio, que baixam a sensação térmica. Por fim, algumas atrações fecham no período e alguns vilarejos ficam praticamente desertos por serem destinos majoritariamente estivais.

Vantagens mês a mês

Dezembro é um mês delicioso por aqui, com as festas de fim de ano alegrando as cidades e trazendo muito movimento às ruas. As feiras de Natal na Provence são uma atração que cresce a cada ano, algumas tem início ainda em novembro. As tradições de Natal na região são ricas e uma viagem à Provence no inverno pode ser uma imersão nesse universo tradicional.

Outra vantagem de visitar a Provence no inverno é a facilidade para encontrar hospedagem a preços mais interessantes em cidades como Aix-en-Provence, Marselha e Avignon. As três cidades provençais tem atrativos o ano inteiro, e são excelentes destinos para um roteiro de inverno na região.

Janeiro

Quanto mais os dias avançam em janeiro, mais os dias se alongam. As crianças retomam o caminho da escola no início da segunda semana do mês, e temos a comemoração do dia de reis na Provence, com a deliciosa coroa de reis, uma brioche com aroma de flor de laranjeira e frutas cristalizadas, que tem dentro uma fava e um santon.

Fevereiro

As primeiras flores começam a aparecer nas amendoeiras e mimosas, trazendo alegria aos dias frios de fevereiro. O mês das férias escolares de inverno começa com a festa dos crepes no país todo, simbolizando a apresentação de Cristo no templo em Jerusalém e encerrando as festividades natalinas. Na Provence, a ocasião pede que degustemos o saboroso biscoito de flor de laranjeira.

Fevereiro é uma boa oportunidade para elaborar circuitos culturais ou enogastronômicos com preços mais módicos em alguns ingredientes, como a trufa por exemplo. Passadas as festas de fim de ano, a iguaria fica mais acessível e muitos restaurantes oferecem menus temáticos com destaque pro cogumelo.

Março

O último mês do inverno vê as temperaturas ficarem mais amenas, os dias mais luminosos e por vezes a chuva dá o ar da graça por aqui. Para quem pretende ver a neve mas não gosta da ideia de subir a montanha e se deparar com todos os franceses de férias esquiando nos Alpes, março é o mês ideal.

O esqui em março beneficia da luminosidade crescente a cada dia, de temperaturas menos glaciais do que nos meses de janeiro e fevereiro, e de pistas mais vazias.

Alguns centros de arte encerram suas exposições temporárias – como o Caumont Centre d’Art – enquanto outras exposições abrem as portas – destaque para as projeções nas Carrières de Lumières, em Baux de Provence. A floração das cerejeiras marca o fim do inverno.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.